Documentário da M80 nomeado para Festival de Cinema

"Um Mar de Lixo", realizado pela jornalista Tânia Paiva e Tiago Mendes dos Santos está nomeado para o Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela. São 80 filmes de mais de 26 nacionalidades que vão a concurso já em outubro.
"Um Mar de Lixo", realizado pela jornalista Tânia Paiva e Tiago Mendes dos Santos está nomeado para o Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela. São 80 filmes de mais de 26 nacionalidades que vão a concurso já em outubro.

O documentário "Um Mar de Lixo", realizado pela jornalista da Tânia Paiva e que contou com a direção de fotografia e edição de Tiago Mendes dos Santos, é um dos nomeados do 26º Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela - Seia. 

Este trabalho, que acompanhou a maior ação de limpeza de lixo realizada nas praias portuguesas foi produzido entre maio e agosto do ano passado e estreou nos canais digitais da Rádio Comercial há um ano, a 7 de agosto de 2019. Concorrem habitualmente a este festival mais de 600 documentários, oriundos de mais de 30 países.

"Um Mar de Lixo" faz parte da seleção oficial do CineEco Seia e está a concurso na categoria "Séries e Reportagens Televisivas"

Os programadores do Festival Internacional de Cinema Ambiental anunciaram esta segunda-feira, 10 agosto, os 80 filmes de mais de 26 nacionalidades, entre curtas e longas-metragens, documentários ou reportagens televisivas que estão em competição. O festival acontece de 10 a 17 de outubro, em Seia.
 

 

O CineEco  dedicado à temática ambiental. Foi criado pelo Município de Seia em 1995, realiza-se todos os anos durante o mês de outubro e reúne ao longo de uma semana os mais relevantes realizadores, produtores, biólogos, ativistas e especialistas para discutir cinema, ambiente e sustentabilidade. 

O evento realiza-se há 25 anos e um dos pontos altos é a exibição de centenas de filmes de todo o mundo que estão a concurso nas várias categorias. 

DOCUMENTÁRIO "UM MAR DE LIXO"

Ao longo de vários dias, entre 1 e 18 de maio de 2019, esta equipa da M80 acompanhou aquela que é considerada a maior ação de limpeza de praias em Portugal. 

É realizada pela associação "Brigada do Mar" há 11 anos e só no ano passado foram recolhidas 20 toneladas de lixo ao longo dos 45 quilómetros entre Troia e Melides, Grândola. 

Milhares de garrafas de plástico, de cotonetes, redes de pesca, lâmpadas fluorescentes, embalagens de iogurtes e muito, muito mais foram recolhidos ao longo da costa por centenas de voluntários portugueses e de outras nacionalidades.  

Nos primeiros anos a "Brigada do Mar" chegou a recolher naquele mesmo local o dobro da quantidade de lixo encontrado o ano passado.

 

10 ago 2020
Redação
Atualidade