Tame Impala: os donos do top nacional de vendas

Conseguiram o primeiro lugar com "The Slow Rush". Justin Bieber entrou para o segundo com "Changes". A dupla Calema segura o número três com o álbum "Yellow".
Conseguiram o primeiro lugar com "The Slow Rush". Justin Bieber entrou para o segundo com "Changes". A dupla Calema segura o número três com o álbum "Yellow".

 

Os australianos Tame Impala são os novos comandantes dos discos mais vendidos em Portugal. Segundo as contas da Associação Fonográfica Portuguesa, relativamente à última semana, "The Slow Rush" (editado este mês) teve entrada direta para o primeiro lugar do top português. Na corrida dos álbuns mais vendidos, logo a seguir à banda de Kevin Parker, está o mais recente de Justin Bieber e também o disco que marcou o regresso do músico canadiano ao estúdio.  "Changes", lançado no passado dia 14 de fevereiro, conquistou o segundo lugar da tabela portuguesa.
 


Os Calema (e o disco "Yellow") desceram da cobiçada liderança para a posição número três. Billie Eilish regista outra das quedas da semana. "When We All Fall Asleep, Where Do We Go?” desceu para o quinto lugar. Os sul-coreanos Monsta X estão um lugar acima com avanço "All About Luv". Já o britânico Harry Styles não conseguiu mais do que a sexta posição com "Fine Line". A portuense Capicua está no número sete com o recente "Madrepérola".
 


Na tabela das coletâneas, "Now 34" continua na liderança. Em segundo lugar, encontramos a banda sonora da aclamada série "Peaky Blinders". Nas contas da semana, o número três está nas mãos da compilação "Grandes Slows - As Músicas da Nossa Vida". 

No top de streams, singles e EP's digitais, Giulia Be continua a segurar a liderança com 'Menina Solta'. O número dois é de The Weeknd com o single 'Blinding Lights'. No número três está Roddy Ricch com 'The Box'.
 


 


 

26 fev 2020
Redação
Música